Começa a terraplenagem para duplicação da BR-392

Notícias sobre engenharia, arquitetura e construção civil.
Avatar do usuário
Equipe GdO
Moderador do fórum
Moderador do fórum
Mensagens: 991
Registrado em: 19:02 - Sexta-feira, 26/01/2007
Localização: São Paulo - SP - Brasil
Atividade ou Profissão: Notícias

Começa a terraplenagem para duplicação da BR-392

Mensagem por Equipe GdO »

Nesta sexta-feira, representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) estarão acompanhando o início efetivo do serviço de terraplenagem nas obras de duplicação da BR-392, no trecho entre Rio Grande e Pelotas. O avanço das obras, com máquinas na rodovia, acontece nos quilômetros 10,6 do lote 3, próximo ao posto Buffon da Barra, e 52 do lote 2, perto da praça de pedágio. A duplicação no lote 3 (do km 35.8 até o km 8.7) é de responsabilidade da Construtora Triunfo e no lote 3 (do km 60.7 até o km 35.8), da Ivaí Engenharia e Obras S/A.

[thumbnail]http://www.jornalagora.com.br/imgs_noti ... 0_SITE.jpg[/thumbnail]

As duas empresas obtiveram do Ibama, recentemente, as Licenças de Operação das jazidas de areia, o que possibilitou o início desta etapa das obras. Os preparativos para a terraplenagem já iniciaram nos dois trechos, sendo que no lote 2 o chamado "caminho do serviço" foi iniciado ainda na quarta-feira, 13, próximo à praça de pedágio, e ontem mesmo já começou a terraplenagem. Nesta etapa do trabalho, caminhões, escavadeiras, motoniveladora e tratores, entre outros equipamentos, são mobilizados. O superintendente do Dnit no Rio Grande do Sul, engenheiro Vladimir Casa, e o engenheiro Henrique Coelho, do Dnit em Pelotas, irão aos dois pontos da rodovia na manhã de hoje.

O valor atual das obras nestes dois lotes é de R$ 280 milhões. Até o final de dezembro, o Dnit já tinha R$ 90 milhões liberados, o que, segundo Vladimir Casa, é suficiente para a realização do trabalho nestes dois trechos este ano. Para a duplicação, a BR-392 foi dividida em quatro lotes, sendo que o lote um (da Ponte do Retiro, na BR-116, até a ponte do canal São Gonçalo) e o quatro (dentro do Rio Grande, da avenida Maximiano da Fonseca ao km zero da BR-392, na avenida Honório Bicalho) ainda estão em fase de projeto.

Por Carmem Ziebell

Fonte: Jornal Agora - O jornal do sul
Imagem Imagem GUIA DA OBRA - Tudo sobre Construção e Reforma